Educação

Nortão: Cláudia e Juara também podem ter novos cursos da Unemat

O Conselho Universitário (Consuni) da Universidade Estadual de Mato Grosso vai decidir, ainda este mês, se aprova a abertura de turmas únicas de graduação nos municípios de Cláudia e Juara. Em caso de autorização, os cursos de Economia, em Cláudia, e Agronomia, em Juara, poderiam iniciar ainda no segundo semestre. Os processos foram retirados da pauta de votação do conselho, realizado na última semana, em Cáceres, e agora deverão ser analisados em uma reunião extraordinária.

Segundo o diretor político-pedagógico e financeiro do campus de Sinop, Marión Machado Cunha, no caso de Cláudia, o curso será bancado totalmente pela prefeitura. Os R$ 800 mil para os quatro anos estão previstos na Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), aprovada na câmara e sancionada pelo prefeito João Batista (PSD). “Já era para estar em funcionamento, porém, como os trâmites são burocráticos e também houve protelamento da pauta, a previsão é para o segundo semestre”, explicou, ao Só Notícias.

A definição do curso ocorreu em audiência pública, na qual foram apresentadas algumas das graduações disponíveis no campus de Sinop. Ao final, o curso de Economia acabou sendo o escolhido. Segundo Marion, após a conclusão, todo o material bibliográfico e os equipamentos utilizados serão enviados para Sinop. “Não gera nenhum ônus para o orçamento da Unemat e ainda se consegue disponibilizar o acesso ao ensino superior para estas pessoas, que, possivelmente não fariam um curso em outras cidades”.

Agronomia em Juara, por outro lado, terá um custo estimado de R$ 2,5 milhões e deverá ser ofertado no próprio campus da universidade, no município, que tem, atualmente, duas graduações regulares: Administração e Pedagogia. “Neste caso, também houve demanda por Agronomia. É um curso bastante caro, pois estão previstas as construções de salas e laboratórios, além da aquisição de equipamentos”.

Ainda não há data definida para a reunião extraordinária do Consuni.

Conforme Só Notícias já informou, na semana passada, foi aprovado o pedido de transferência do curso Sistemas de Informação, que, até então, era ofertado no campus de Colíder, para o campus de Sinop. Com a decisão favorável, a primeira turma será aberta no segundo semestre. O edital deve sair ainda esta semana. Para saber se haveria procura pela graduação, foi aplicada uma pesquisa em escolas estaduais. O relatório mostrou que 53% dos estudantes do ensino médio não descartam cursar um curso na área de informática.

A abertura do curso em Sinop estava atrelada à oferta de vagas em turmas únicas para quatro novas graduações em Colíder, que ofertava Sistemas de Informação há 12 anos e não apresentava mais demanda. A previsão inicial era que o curso de Agronomia fosse aberto ainda este ano. No ano que vem, seria a vez de Matemática. Engenharia Civil começaria em 2018, e Biologia, em 2019. No entanto, os conselheiros da universidade decidiram abrir mais 30 dias de discussões para saber qual será a ordem de início dos cursos novos em Colíder.

As inscrições para o vestibular que dá acesso às outras 2,4 mil vagas em 11 campi da Unemat estão abertas desde o início da semana. Podem se inscrever os candidatos que  sejam portadores de certificado de conclusão do ensino médio ou equivalente; aos portadores de diploma de curso superior e àqueles que comprovarem a conclusão do ensino médio na data da matrícula, segundo assessoria. É cobrada uma taxa de R$ 100.