Esportes

Circuito de Interlagos permanece na Fórmula 1 até 2020

Tradicional palco da Fórmula 1, o circuito de Interlagos está garantido na principal categoria do automobilismo mundial até 2020. Nesta quarta-feira, o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, se reuniu com o grande administrador da F-1, Bernie Ecclestone, e assinou vínculo que assegura o autódromo no calendário oficial por mais sete temporadas.

Disputando com Rio de Janeiro e Santa Catarina para sediar o Grande Prêmio do Brasil, São Paulo conseguiu garantir permanência na categoria depois de se comprometer a realizar reforma no circuito. Inaugurado em 1940, o autódromo terá reforma do traçado, com novos boxes, para a corrida de 2015. A expectativa é de que a obra custe R$120 milhões aos cofres do Ministério do Turismo.

A primeira edição do Grande Prêmio do Brasil realizada em Interlagos ocorreu em 1972 e terminou com vitória do argentino Carlos Reutemann. Desde então, a corrida em território nacional foi realizada em 31 oportunidades. O autódromo de Jacarepaguá, no Rio de Janeiro, recebeu o GP em 1978, e depois entre 1981 e 1989.

Ao todo, quatro brasileiros triunfaram em corridas em Interlagos: Ayrton Senna, Emerson Fittipaldi, Felipe Massa e José Carlos Pace. Atualmente na Ferrari, Massa triunfou em duas oportunidades, sendo a última delas em 2008. Senna e Fittipaldi também chegaram duas vezes ao lugar mais alto do pódio, enquanto Pace ganhou uma etapa.