Esportes

Em dia de homenagens, Neymar participa normalmente de treino leve

O clima não poderia ser diferente na manhã deste domingo no Centro de Capacitação Física do Corpo de Bombeiros. Casa da Seleção Brasileira durante a estadia em Brasília, o local amanheceu em festa pela vitória por 3 a 0 sobre o Japão na estreia da Copa das Confederações e recebeu o último treinamento canarinho na capital federal.

Enquanto a delegação verde e amarela agradecia a recepção dos bombeiros, os oficiais prestaram homenagens ao zagueiro e capitão Thiago Silva, que foi presenteado com um boneco da corporação, e ao lateral esquerdo Marcelo, cujo pai trabalhou como bombeiro.

Luiz Felipe Scolari e a comissão técnica recompensaram o esforço do time titular e deixaram os jogadores que iniciaram a partida no estádio Mané Garrincha realizando leve corrida em torno do gramado. Até mesmo Neymar, que deixou a partida no segundo tempo reclamando de dores, integrou o grupo na atividade.

Já os reservas não tiveram folga e treinaram pesado para aprimorar a parte física antes do confronto com o México na próxima quarta-feira. Antes das atividades, o grupo formou rodas de bobinho, mas assim que o treinamento começou para valer, os suplentes suaram a camisa em corridas intensas supervisionadas pelo preparador físico Paulo Paixão e depois em treino tático comandado por Felipão.

Depois do treinamento, no período da tarde, a Seleção Brasileira embarca para Fortaleza, onde encara o México na próxima quarta-feira. O duelo está marcado para as 16 horas (de Brasília) na Arena Castelão e é válido pela segunda rodada do grupo A.