Esportes

Goias vence e afunda o Vasco na zona de rebaixamento

O Goiás complicou muito a situação do Vasco no Campeonato Brasileiro na noite desta quinta-feira. Em partida disputada em Macaé, no Estádio Cláudio Moacyr de Azevedo, a equipe venceu por 2 a 0, resultado que o aproxima do G-4 da competição, zona que classifica para a próxima edição da Copa Libertadores, e afunda de vez os vascaínos na zona de rebaixamento.

Isso porque, com a segunda derrota consecutiva, o time carioca permanece com 32 pontos e ocupa a 18ª colocação, atrás do Criciúma e dois pontos abaixo do Coritiba, primeiro time provisoriamente a salvo. Já o Goiás, que chega à terceira vitória seguida, tem 43 pontos, já mirando a disputa com o 4º colocado Botafogo, que soma 50.

Na próxima rodada, o Vasco terá uma difícil missão: enfrentar o Botafogo, em clássico marcado para as 18h30 (de Brasília) do domingo, no Maracanã, no Rio de Janeiro. No mesmo dia e horário, Goiás também terá pela frente uma equipe que aparece entre as primeiras colocações da competição: pega o Atlético-PR no Estádio Serra Dourada, em Goiânia.

Jogando no Estádio Moacyrzão, em Macaé, o Vasco teve dificuldades para se impor contra o Goiás e sofreu desde o primeiro tempo. O time visitante usou bem os contra-ataques e deu pouca brecha para as ações vascaínas. Quase abriu o placar, por exemplo, aos 13min, quando Roni roubou a bola de Jomar e bateu de dentro da área, mas Diogo Silva foi bem e fez grande defesa.

Aos 36min, no entanto, não teve jeito: o Goiás conseguiu abrir o placar. O time alviverde marcou em cobrança de falta de David, que cruzou da esquerda para a cabeçada certeira de Rodrigo. Walter ainda teve a chance de ampliar aos 43min, mas novamente Diogo Silva conseguiu fechar o gol.

Para a irritação da torcida vascaína, o Goiás também jogou melhor no segundo tempo. Logo aos 8min, Eduardo Sasha cruzou da direita e viu a bola resvalar em Henrique antes de acertar o travessão. A resposta do Goiás veio aos 17min, com cabeçada rente à trave dada por Pedro Ken após cruzamento de Marlone.

O segundo gol do Goiás saiu aos 22min: Walter abriu a jogada pela esquerda e cruzou para Wellington Junior, que escorou de cabeça para o meio da área, onde Hugo apareceu para empurrar rasteiro para o fundo do gol. Com a desvantagem, a torcida perdeu de vez a paciência com o Vasco, que tentou se atirar para cima do Goás. O visitante, no entanto, soube se segurar na defesa e confirmar a vitória.

Demais resultados da rodada:
Vitória-BA 0 x 0 Botafogo-RJ
Cruzeiro-MG 1 x 0 Fluminense-RJ
Santos-SP 0 x 0 Internacional-RS
São Paulo-SP 3 x 0 Náutico-PE
Ponte Preta-SP 1 x 0 Coritiba-PR
Criciúma-SC 1 x 3 Portuguesa-SP
Flamengo-RJ 2 x 1 Bahia-BA
Grêmio-RS 1 x 0 Corinthians-SP
Atlético-PR 1 x 0 Atlético-MG
Vasco da Gama-RJ 0 x 2 Goiás-GO

Classificação:
1º Cruzeiro-MG – 62 pontos
2º Grêmio-RS – 52
3º Atlético-PR – 51
4º Botafogo-RJ – 50
5º Goiás-GO – 43
6º Atlético-MG – 42
7º Vitória-BA – 41
8º Internacional-RS – 41
9º Santos-SP – 40
10º Flamengo-RJ – 40
11º Portuguesa-SP – 37
12º São Paulo-SP – 37
13º Corinthians-SP – 37
14º Bahia-BA – 36
15º Fluminense-RJ – 35
16º Coritiba-PR – 34
17º Criciúma-SC – 32
18º Vasco da Gama-RJ – 32
19º Ponte Preta-SP – 29
20º Náutico-PE – 17