Esportes

Luverdense pega lanterna Rio Branco e pode ficar líder isolado

A delegação do Luverdense já está no Acre para o confronto, nesta 4ª feira, contra o lanterna Rio Branco, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro da Série C. Mais uma vez o técnico Júnior Rocha será obrigado a modificar sua equipe em três posições. O lateral direito Raul Prata e o volante Gilson estão fora da partida em função do terceiro cartão amarelo. A outra ausência é a do atacante Misael que segue entregue ao departamento médico.

Lucas Mendes e Carlão deverão assumir as posições de Raul Prata e Gilson. Já para o ataque, Júnior Rocha deve escalar o garoto Bismarck, que teve atuação destacada na partida contra o Sampaio Corrêa-MA, no último domingo, no estádio Passo das Emas.

A provável equipe deve ter Gabriel Leite, Zé Roberto, Luis Eduardo e Edinho. Júlio Terceiro, Carlão, Washington e Rafael Tavares. Bismarck e Tozin.

Se vencer, o Luverdense fica líder isolado e mais perto da vaga classificatória para as oitavas.

Rio Branco
O elenco do Rio Branco fez, ontem à tarde, no estádio Florestão, na capital do Acre, um coletivo para o jogo contra o Luverdense. A atividade durou cerca de uma hora. Da equipe que iniciou a partida contra o Brasiliense-DF, apenas o volante Leandro Juca não participou do trabalho. Com uma entorse no tornozelo, ele foi poupado e é dúvida para o confronto.

Quem também tem presença incerta no duelo é o capitão Ismael, que sente dores no joelho direito. No entanto, ele treinou com o restante do grupo nesta segunda e será reavaliado para saber se terá condições de entrar em campo.

O técnico Tangará, disse que a intenção é pressionar o adversário desde o início e para isso aposta em uma equipe mais experiente.

O time titular para a partida deve ter Douglas; Fellypinho, Leandro Camilo, Eric e Pedro Henrique. Paulinho Pitbull, Zé Marco, Ismael (Geovane ou Araújo Goiano) e Testinha. Pretinho e Marcelo Brás.

A arbitragem para o confronto, amanhã, às 18h30 (horário de Mato Grosso) será de Arnildo Lino dos Santos auxiliado por Marcos Santos Vieira e Valdebranio da Silva.