Esportes

Tribunal desportivo pune dois jogadores do Sorriso

O Tribunal de Justiça Desportiva de Mato Grosso (TJD) puniu dois jogadores do Sorriso, em análise da partida do dia 23 de junho, no estádio Neco Falcão, contra o Poconé, pelo estadual da segunda divisão. O atleta Edson Araújo Junior foi suspenso por uma partida, devido a uma jogada violenta. Já Tayron Felipe Rosa foi suspenso duas, por agressão física. As punições devem ser cumpridas no próximo jogo oficial, em campeonato promovido pela federação, quando os atletas participarem.

No mesmo processo, o tribunal também julgou outros dois jogadores do Poconé. Jose Carlos Moreira da Silva foi suspenso por uma partida, por jogada violenta. Já Orivaldo Nunes Rondon foi absolvido por ofender alguém em sua honra, por fato relacionado diretamente ao desporto. As punições também devem ser cumpridas no próximo jogo oficial, promovido pela federação.

O Sorriso levou o título da segundona este ano. Na final, no último dia 8, venceu por 2 a 1 o Clube Esportivo Operário Várzea-grandense, no estádio Presidente Dutra, em Cuiabá. Os gols do “Lobo do Norte” foram marcados por Luís Gustavo e Alex Sorocaba. Já o do C.E.O.V. foi feito por Pedro Bala.

Os dois times entraram em campo já com vagas conquistadas para a primeira divisão em 2014. Mas a partida foi truncada no primeiro tempo, com as equipes pressionando em busca de gol. O placar foi aberto pelo Sorriso, aos 28 minutos, com Luís Gustavo, de cabeça. Ele subiu mais que a zaga e mandou para o fundo da rede do goleiro André.

O SEC tem dois títulos mato-grossenses na divisão principal e, em 1993, disputou a Copa do Brasil enfrentando o Grêmio.